ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Acauãma: Fundação Procafé registra nova cultivar de café

POR JOSÉ BRAZ MATIELLO

FOLHA PROCAFÉ

EM 04/05/2021

2 MIN DE LEITURA

0
0

Para possibilitar o uso comercial, a Fundação Procafé registrou no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) uma nova cultivar de café do grupo acauã, a acauãma.

A cultivar acauãma foi selecionada pela equipe da Fundação Procafé visando resistência à ferrugem do cafeeiro e boa tolerância a stress hídrico, possuindo também boa tolerância ao nematoide M. exígua. Ela se originou num híbrido natural de cafeeiros acauã, provenientes do acauã pioneiro, também conhecido como 365, de frutos vermelhos, que cruzaram com material de frutos amarelos, provavelmente catucaí amarelo, existente na mesma área.

A seleção inicial foi feita em campo de linhagens de acauã, conduzido na região Sul de Minas. No meio deste lote de cafeeiros apareceram algumas plantas de frutos amarelos, as quais foram selecionadas e colocadas em ensaio conduzido na Fda Experimental em Araguari, em condição de grande stress hídrico. Deste ensaio, já foram obtidas nove colheitas, nas safras de 2012 a 2020, sendo que o material, agora denominado acauãma, correspondente ao item 48 do ensaio, apresentou a maior média produtiva dentre oito dezenas de materiais em teste. A acauãma produziu, na média de nove safras, 60,7 scs/ha, enquanto os padrões, catuaí e mundo novo/acaiá, produziram de 34-35 scs/ha, conforme pode ser observado na tabela 1.

Tabela 1- Produtividade em nove safras de alguns itens de cafeeiros do ensaio com resistência à ferrugem, em comparação com os padrões catuaí vermelho e mundo novo/acaiá - Araguari (MG), 2020

Do ensaio original em Araguari, foram selecionadas as melhores plantas e colocadas em novos ensaios para seleção e derivação de novas gerações. Em um desses ensaios, também em Araguari, agora na 4ª safra, pode-se observar que, novamente, o material da acauãma se mostrou um dos mais produtivos e com produtividade bastante superior aos padrões do catuaí e mundo novo. Os dados desse ensaio se encontram na tabela 2.

Tabela 2- Produtividade em cafeeiros, em quatro safras, de alguns itens do ensaio de novos materiais genéticos com resistência à ferrugem, em comparação com os padrões catuaí e mundo novo – Araguari (MG), 2020

Em campo de observação instalado na Fda Experimental da Fundação Procafé em Varginha, agora com três safras, também o material da acauãma vem se mostrando o mais produtivo, conforme tabela 3.

Tabela 3- Produtividade (sacas/ha) em campo experimental de cultivares de cafeeiros selecionados pela Fundação Procafé - Varginha (MG) 2020

Apenas para lembrar, cita-se que o material denominado acauã, que deu origem ao acauãma, é resultado de cruzamento feito na década de 1980 por técnicos do IBC no Paraná, entre o sarchimor 1668 e o mundo novo.

Os cafeeiros da cultivar acauãma tem porte baixo, apresentam bom vigor, boa resistência à ferrugem e alta produtividade. Mostram também boa tolerância ao stress hídrico e ao nematoide M. exígua. As folhas novas apresentam brotação de cor bronze e os frutos são de coloração amarela.

As sementes do híbrido acauãma, na geração F4, vêm sendo multiplicadas pela Fundação Procafé para formação de campos de sementes, instalados na Fda Experimental de Varginha, onde os interessados, futuramente, poderão obter as mesmas.


À esquerda, cafeeiro da nova cultivar acauãma (parcela atrás da seta) na 5ª safra, em Araguari (MG), mostrando bom vigor em relação à parcela de cafeeiros mundo novo (padrão) na frente. À direita, nas novas gerações do acauãma, a frutificação, com frutos de cor amarelada, com muitos frutos por roseta

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

CaféPoint AgriPoint