ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Entre outras ações, diretor-executivo da Abic ministrará palestra na SIC

POR EQUIPE CAFÉPOINT

AGENDA DO PRODUTOR

EM 13/10/2017

1
0
Por Camila Cechinel 

O diretor-executivo da Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic), Nathan Herszkowicz, vai ministrar a palestra "Nova Pesquisa de Hábitos e Tendências de Consumo", no seminário DNA Café 2017, que acontecerá no dia 25 de outubro, às 17h15, no primeiro dia da Semana Internacional do Café, em Belo Horizonte (MG). 

Foto: Daniel Ozana/Studio Oz
                                        Foto: Daniel Ozana/Studio Oz

De acordo com o especialista, a intenção do bate-papo é transmitir uma observação que a Abic vem fazendo em relação a evolução da qualidade do café no país, assim como as características do consumidor brasileiro, que vem aceitando tranquilamente as inovações do mercado: "as pessoas estão tendo maturidade suficiente para entender quanto vale a melhor qualidade, em qualquer produto, inclusive o café. Isso tem ocasionado uma mudança nos hábitos de consumo e negócios", disse.
Segundo Herszkowicz, uma grande parcela de cafés tradicionais, de preço acessível e qualidade aceitável, estão surgindo na esteira do mercado de cafés como bebidas superiores, o que tem justificado o aumento do consumo interno da bebida no Brasil. Para ele, se pararmos para analisar, nos três últimos meses ocorreram diversos lançamentos de cafés especiais, também chamados gourmets, no país: a Café do Ponto se reposicionou, a Nestlé anunciou o café em grão, a JDE apostou em marca francesa para inovar a categoria premium, o Orfeu está investindo cada vez mais no mercado interno e a Nespresso divulgou uma edição limitada de cafés harmonizados com leite.
"É um investimento simultâneo de empresas concorrentes. O mercado enxerga a alta qualidade como um segmento que precisa ser atendido, que tem valor e capacidade de crescimento", disse, acrescentando: "os produtores se sentem mais incentivados a investir em grãos de melhor qualidade, porque, sem dúvida, a demanda por cafés especiais vai aumentar muito mais". 

Outras ações na Semana Internacional do Café (SIC)

Além da palestra "Nova Pesquisa de Hábitos e Tendências de Consumo", com inscrições gratuitas, visitantes da feira poderão degustar os cafés premiados nos Melhores da Qualidade ABIC 2017, aprender a avaliar sensorialmente o café - seguindo a metodologia do Programa de Qualidade do Café (PQC), além de conhecer mais a fundo o aplicativo De Olho No Café, que permite ao consumidor verificar, em tempo real, pelo seu celular, as certificações conferidas pela entidade em cada marca que possui.
Para Herszkowicz, o software tem sido uma experiência incrível, com um número bastante razoável de consumidores julgando os cafés que estão comprando, em até cinco estrelas: "o app é uma vitrine da opinião do consumidor e isso é muito importante para nós. Efetivamente, a SIC é a feira das novidades no mundo do café e é isso que queremos mostrar", finaliza. 

ARTIGO EXCLUSIVO | Este artigo é de uso exclusivo do CaféPoint, não sendo permitida sua cópia e/ou réplica sem prévia autorização do portal e do(s) autor(es) do artigo.

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

JAIME MENDES DE SOUZA

MINAS GERAIS - PRODUÇÃO DE CAFÉ

EM 13/10/2017

Com certeza, quanto mais qualidade, mais valor ao café.