FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Ataque da mosca das frutas pode acelerar queda de frutos de café

POR JOSÉ BRAZ MATIELLO

FOLHA PROCAFÉ

EM 04/06/2020

2 MIN DE LEITURA

0
0

A mosca das frutas pode atacar os frutos de café em dois estágios: quando ainda estão verdes ou quando estão maduros. Em ambos os estágios pode provocar ou acelerar a queda desses frutos atacados.

A mosca das frutas é considerada uma praga de pequena importância na cultura do café. Duas espécies são mais frequentes atacando os frutos: Ceratitis capitata (a mais comum) e Anastrepha fraterculus. Nos frutos verdes, ainda em água, especialmente aqueles da primeira florada, talvez por coincidir numa época de pouca frutificação nas plantas em geral, a mosca ataca e uma parte desses frutos acaba caindo. Neles pode-se ver um furo de cor escura, localizado na lateral do fruto.

Nos frutos maduros, os preferidos pela mosca, também tem sido observado que o ataque acelera sua queda. Nos frutos verdes a queda é provocada em função da perfuração que a fêmea da mosca faz na casca do fruto para oviposição. Ocorre necrose dos tecidos em volta da perfuração, com produção de etileno, decorrente desse processo de apodrecimento, o que leva à queda. Nos frutos maduros podem ser observadas duas causas de aceleração na queda dos frutos. A primeira de modo semelhante à queda dos verdes, combinada com a ação complementar de fungos saprófitas, que aproveitam os frutos como porta de entrada. A segunda pelo consumo da mucilagem dos frutos, pelas larvas da mosca. Assim, o fruto tem passagem mais rápida da fase de cereja para passa e seco. Nessa condição, o pedúnculo do fruto enfraquece e acelera sua queda.

Na região norte do estado do Espírito Santo, tem sido observado a queda acelerada de frutos maduros por efeito da mosca das frutas, isto nas poucas áreas de campos de teste com variedades de café arábica. Sabe-se que os frutos de cafeeiros conilon, provavelmente pela sua pouca mucilagem, não são atacados. Deve-se, no entanto, passar a observar o que vai ocorrer com alguns clones de robusta em cultivo na região, já que os frutos destes possuem casca mais grossa e contém mais mucilagem, sendo mais semelhantes aos frutos de cafeeiros arábica.

Finalmente, uma forma de identificar o tipo de mosca das frutas, mesmo no campo. A Ceratitis capitata possui mancha escura no seu corpo, enquanto a Anastrepha possui coloração amarelada.


Frutos de café arábica maduros já mudando para cor escura, com maturação acelerada por efeito do ataque da mosca das frutas (esq.) / Detalhe do fruto atacado, mostrando evolução de necrose junto à perfuração, o que aumenta a produção de etileno e acelera queda dos frutos (dir.)


Abrindo o fruto pode-se observar larva branca da mosca das frutas em seu interior (esq.) / Frutos caídos no solo, com queda acelerada devido ao ataque de mosca das frutas. Todas as fotos dos frutos maduros, menos dos insetos, foram feitas em mar/2020, em Pinheiros (ES) (centro) / Adultos de 2 espécies de mosca: acima Anastrepha e abaixo Ceratitis (dir.)


Perfurações em frutos verdes de café, caídos ao chão, por efeito de ataque da mosca das frutas (esq.) / Outros gêneros de moscas podem estar atacando frutos, como este exemplar de cor esverdeada, observado em Campos Altos (MG) (dir.)

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

CaféPoint AgriPoint