carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Notícias > Mercado

Crescem as vendas de café com certificação socioambiental

postado em 14/07/2017

2 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Da redação

As vendas de café com o selo de certificação socioambiental da Rainforest Alliance Certified™ (RAC) cresceram 9% em 2016, de acordo com levantamento do Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola (Imaflora). 

Foto: Ivan Padovani/Café Editora
                                    Foto: Ivan Padovani/Café Editora

Segundo o relatório, Minas Gerais é a maior região produtora do café com a certificação: o sul e o cerrado concentram a maior parte das propriedades, embora a produção esteja presente, também, em estados como Bahia e São Paulo, cuja cafeicultura rendeu 2,7 milhões de sacas (31% do total mundial com o selo). 

A Europa é o principal destino dos grãos com selo que saem do Brasil. Conforme o gerente de projetos e secretário executivo adjunto do Imaflora, Eduardo Trevisan, "chama a atenção o contínuo crescimento da certificação em grupo, que representa 48% do total. Essa modalidade facilita o acesso de pequenos e médios produtores."

Para conferir o relatório completo sobre o mercado de cafés certificados Rainforest Alliance CertifiedTM 2016, clique aqui.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

Sergio Castejon

OUTRA - OUTRO - Produção de café
postado em 16/07/2017

Há vantagens econômicas com a certificação? Relatório decepciona ao nada avaliar sob o aspecto econômico da certificação.
Qual o preço médio ao café de propriedades certificadas em relação às não certificadas? A vantagem econômica parece ser baixa, pois apenas 43% dos cafés "certificados" foram vendidos como tal.

LUIZ ANTONIO GOBEL

OUTRA - OUTRO - Produção de café
postado em 17/07/2017

ledo engano. O mercado esta cartelizado pelas multinacionais...Eles fazem o que bem entendem com o mercado. E o produtor só amarga prejuízos sempre. Isos tem que acabar! 

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade