FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Incaper presta suporte aos produtores de café canéfora

POR EQUIPE CAFÉPOINT

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 01/12/2020

2 MIN DE LEITURA

0
0

O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) tem acompanhado os produtores de café canéfora (conilon) em uma produção sustentável e tecnológica. Como é o caso de Gerson Camiletti, em Sooretama, que segue as diversas recomendações em sua propriedade de base familiar e acompanha as tecnologias orientadas pelos técnicos do Escritório Local de Desenvolvimento Rural (ELDR) do município.

A implementação do manejo da vegetação nas entrelinhas do café possibilitou a redução de altas temperaturas no solo, aumento da atividade microbiana, incremento de matéria orgânica, entre outros benefícios. A técnica também traz economia de água e menor necessidade do uso de herbicida na lavoura. Recentemente, a propriedade adotou duas tecnologias para aumentar a eficiência da água aplicada na irrigação. Com o monitoramento, é possível saber o momento exato de irrigar e a quantidade de água correta, evitando desperdícios.

As tecnologias de produção orientadas pelos técnicos do Incaper tornam a agricultura mais sustentável e, somadas a isso, também estão às orientações relacionadas à qualidade do café, tais como colher com, no mínimo, 80% dos grãos maduros, melhorando não somente o sabor da bebida, mas também o rendimento em sacas.

“Minha história com o Incaper começou há 20 anos, quando plantei café clonal e, como não tinha muitos conhecimentos, apareceram alguns problemas. Procurei o escritório de Sooretama e na época era o técnico Gilberto Altoé, hoje aposentado, responsável pelo escritório. Ele me atendeu muito bem e passou a me acompanhar. Minha produção cresceu e evoluiu muito. Me tornei até referência na minha região. A cada ano eu produzia bem e cada vez mais. Os técnicos do Incaper estão sempre presentes na propriedade, instruindo tecnologias e técnicas, orientando sempre para fazermos tudo certo. Me perguntavam o que eu fazia e a resposta era que não há segredo: é ter amor pela cultura e auxílio técnico do Incaper”, comentou Gerson.

Um dos extensionistas do ELDR de Sooretama, Carlos Roberto Cândido, que realiza o atendimento ao produtor, destacou o exemplo de eficiência na propriedade, com a adoção do pacote tecnológico completo do Incaper. O cafeicultor cultiva as variedades de café Jequitibá e Diamante, produzidas e desenvolvidas pelo Instituto. Com a orientação técnica, o trabalho na lavoura é feito por meio do plantio em linha, poda programada de ciclo, manejo e conservação de solo e água, manejo das plantas daninhas nas entrelinhas, tensiometria e manejo da fertirrigação com extratores de solução do solo.

O engenheiro agrônomo e extensionista do ELDR de Sooretama, Lucas Calazans, destacou o empenho do cafeicultor em implementar as tecnologias ofertadas pelo Incaper ao longo de duas décadas. “Com a experiência do agricultor, é visível a continuidade da assistência técnica e extensão rural do Incaper, que iniciou com o colega Gilberto e hoje é realizada pelos atuais agentes de extensão. Esse é um exemplo de entrega do Instituto e seus parceiros para a sociedade capixaba”, destacou Lucas.

O Centro Regional de Desenvolvimento Rural (CRDR) Rio Doce elegeu como destaque a experiência do cafeicultor Gerson Camiletti. O coordenador do CRDR, Wathaanderson de Souza Rocha, abordou o amplo leque da agricultura familiar, atendido pelos escritórios que compõe o regional. “Atendemos indígenas, quilombolas, pescadores, além dos agricultores tradicionais. Diante da cafeicultura como principal atividade na região, decidimos apresentar essa experiência colocando em destaque tudo que o Incaper disponibiliza aos agricultores”, contou.

As informações são da Incaper.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

CaféPoint AgriPoint