ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Inovações em máquinas e ecossistemas digitais contribuem para a sustentabilidade

POR EQUIPE CAFÉPOINT

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 18/08/2021

3 MIN DE LEITURA

0
0

A perspectiva do clima para a próxima safra foi um dos temas centrais do evento Mudança Climática e Sustentabilidade no Agronegócio, que ocorreu no dia 17 de agosto e foi promovido pela Climatempo com patrocínio da Jacto.

O evento reuniu profissionais e especialistas atuantes no mercado que apresentaram os problemas que as mudanças climáticas acarretam à agricultura e pecuária, a situação atual dos fenômenos climáticos, como o La Niña, a pegada do carbono zero e como produzir de forma mais eficiente e sustentável.

Ecossistemas digitais e sustentabilidade

O gerente de desenvolvimento de negócios na Jacto, Guilherme Panes, falou sobre como as inovações em máquinas e ecossistemas digitais estão contribuindo para a sustentabilidade. Para ele é fundamental que o agricultor compreenda que usar as tecnologias é o que vai garantir a rentabilidade e a sustentabilidade.

"A adoção precisa passar por produtividade para gerar sustentabilidade. Tem que caminhar junto. E o movimento que temos feito e defendido é tornar as tecnologias parte do produto, para o agricultor experimentar, ver o ganho real de usá-las no campo. E nesse movimento, a intenção é colocar mais tecnologia, com custo acessível, tendo a camada digital como suporte dessas operações", disse Guilherme Panes.

O gestor comentou que desde 2009, a telemetria nas máquinas agrícolas é um item que vem de série, incorporado na rotina do agricultor, e exemplificou os três pilares da empresa na fabricação de seus produtos.

"Temos em nosso DNA para concepção dos produtos que a inovação precisa gerar valor protegendo o meio ambiente. São três pilares que nos direcionam: a redução de custos operacionais, a redução de impactos ambientais e o uso racionar de insumos recursos", explica Guilherme.

Para exemplificar, ele comentou sobre a inovação da tecnologia de pulverização bico a bico, lançada de forma pioneira pela Jacto, que diminui a sobreposição e o desperdícios de insumos.

Outra tecnologia comentada foi a EletroVortex, que une duas técnicas para a redução de deriva e o controle automático de 12 seções, que segmenta a faixa de aplicação com uma redução do consumo de fertilizantes que pode chegar a 15%.

"É importante dizer que são essas ferramentas, usadas em sua potencialidade, que serão responsáveis pelos resultados no campo. Para isso, é preciso também lembrar da importância de ter pessoas preparadas para usar essa tecnologia" comentou o especialista que salientou a importância de um ecossistema que faça a integração de todos esses sistemas.

"Precisamos de visibilidade para todas essas operações, um sistema capaz de unir todas as ‘coisas conectadas’ no campo num ecossistema maior e que seja prático para a tomada de decisões", explicou o gestor.

Ele ainda exemplificou essa questão ao citar o recente lançamento da empresa, a área de serviços Jacto Next, que permite fazer a digitalização completa da fazenda, com soluções para cobertura de sinal de internet, instrumentação, conexão de máquinas multimarcas, sensores, estações meteorológicas, drones, imagens de satélites e softwares para monitoramento e gestão das operações. "E isso vale para o grande e para o pequeno agricultor. Para quem tem 2 ou 200 máquinas", avalia.

Impactos do clima no agronegócio

O ano de 2021 está sendo um desafio para os produtores rurais brasileiros. As intempéries têm transformado a dinâmica do setor agropecuário e é destaque neste ano safra. No Sudeste, onda de frio e geada trouxeram impacto para o café e cana-de-açúcar, duas importantes culturas.

Esses dados foram discutidos em três painéis no Climatempo Sustainability Summit - Mudança climática e Sustentabilidade no Agronegócio com especialistas que debateram os impactos das mudanças climáticas no Agronegócio e como a sustentabilidade e a neutralização do carbono podem caminhar juntos neste cenário. O evento completo, que contou com o patrocínio da Jacto, está disponível na integra pelo canal do YouTube da Climatempo Meteorologia.

As informações são da Jacto.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

CaféPoint AgriPoint