FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Entenda e conheça os benefícios da modalidade comercial Barter

POR EQUIPE CAFÉPOINT

TÉCNICAS DE PRODUÇÃO

EM 23/03/2020

3 MIN DE LEITURA

0
0

Traduzido do inglês, barter significa escambo, troca ou permuta. No agronegócio, o termo está vinculado à prática de trocar uma parte da produção por maquinário ou insumo, de acordo com a necessidade do produtor rural. No Brasil, a operação teve início em meados dos anos 90 e a mais de 10 anos a Cooperativa dos Cafeicultores da Região de Lajinha (Coocafé), fundada em 1979, na cidade de Lajinha (MG), realiza essa modalidade de negociação a fim de facilitar a aquisição de produtos por parte dos associados. Com o objetivo conscientizar e tornar ainda mais conhecida a prática, a Coocafé lançou a campanha “Barter - O poder está em suas mãos” em todas as plataformas de comunicação, on e off.

O café é considerado muito mais do que uma cultura, hoje ele é reconhecido como uma moeda para adquirir insumos para a propriedade. Na área de atuação da cooperativa, o café é o carro-chefe das famílias que vivem da agricultura, o que facilita ainda mais para os associados realizarem suas aquisições. A modalidade da troca impulsiona o cafeicultor a gerenciar de forma mais eficiente sua produção. Em entrevista com o diretor presidente da Coocafé, Fernando Cerqueira, transmitida através do Programa Alvorada Sertaneja, a operação Barter é explicada de forma detalhada. Fernando, com a experiência adquirida no decorrer dos anos à frente da cooperativa, deixa ainda algumas dicas para os produtores. Confira:

O que é a operação Barter?

“A modalidade de Barter existe há muitos anos no Brasil, a parte de café não é tão antiga quanto soja e milho. A operação nada mais é do que um sistema de troca, é uma moeda de permuta. Nós (produtores) temos duas opções: compramos o insumo a prazo ou recorremos ao banco e pagamos juros; não sabemos no vencimento quantas sacas de café nós teríamos que vender para pagar a dívida. Com isso, há duas certezas, o valor final do financiamento e o juros que pagaríamos. Mas quantas sacas de café gastaríamos? Não sabemos. Na operação barter a gente faz uma conversão: tantas sacas de adubo ou de inseticida por tantas sacas de café. Isso gera uma segurança maior para o produtor”.

A cooperativa tem alguma parceria?

“Para esse trabalho normalmente nós fazemos parcerias com algumas empresas de fertilizantes, defensivos e também a Coocafé estabelece seu próprio Barter em algumas mercadorias em que as empresas não geram esse tipo de modalidade. Nos últimos anos que temos feito, isso tem sido muito positivo para o produtor. A gente tem que lembrar que a única moeda que nós sabemos produzir é o café, nós produzimos o café que no futuro vai virar dinheiro.”

Conselhos para os cafeicultores:

“Toda vez que pensamos em futuro, a gente tem uma interrogação na frente. Nós não conhecemos e nem podemos prevê-lo. Quando a gente faz a modalidade barter ou a gente faz as nossas travas de café, nós não estamos tentando advinhar o futuro, isso pertence a Deus, estamos tentando apenas sair da zona de incerteza.

A partir do momento que nós fixamos parte da nossa produção, e é muito bom ressaltar isso, nunca devemos fixar ou fazer barter de 100% da nossa produção, até porque existem fatores climáticos, políticos, econômicos e de produção que podem influenciar em uma grande oscilação de mercado. Então nós, da Coocafé, sempre aconselhamos a atingir no máximo 30% do nosso futuro, seja ele em barter ou fixação de preço. Com essa atitude é que saímos da zona da incerteza.

Produtor, conheça o seu custo de produção, porque se é caro ou se é barato vai depender do seu custo. Sempre vale lembrar: Não é uma aposta.

Precisamos trabalhar a produtividade, a qualidade e a administração dos nossos custos, porque na verdade é a única coisa que está em nossas mãos. E uma coisa é certa: lavouras bem cuidadas, pulverizadas, adubadas e com um processo de pós-colheita muito bem feito, com certeza vai propiciar o produtor a fechar no azul e nunca no vermelho”.

As informações são da Coocafé.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.