ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Durante a SIC, governo mineiro lançará o Geoportal do Café

PRODUÇÃO

EM 22/08/2017

0
0
Da redação

Com o objetivo de mapear todas as áreas de cultivo do café em Minas Gerais, com inserção de dados socioeconômicos e geoespaciais para auxiliar políticas públicas e investimentos de toda cadeia produtiva, o governo do estado está desenvolvendo o Geoportal do Café, plataforma que deve ser lançada em Belo Horizonte durante a Semana Internacional do Café (SIC), que ocorrerá de 25 a 27 de outubro. 

Foto: Alexia Santi/Agência Ophelia
                                Foto: Alexia Santi/ Agência Ophelia

Na ocasião, haverá um workshop onde será mostrado o trabalho em andamento. Entretanto, a conclusão do mapeamento, que traz informações dos 451 municípios listados como produtores de café pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater/MG), está prevista para março de 2018. 

Com o Geoportal do Café, o agricultor conseguirá localizar a propriedade nas glebas de café, fundamental para melhorar o planejamento e a gestão da atividade. Para os gestores municipais e estaduais, os dados levantados e disponibilizados facilitarão o direcionamento de ações para todas as regiões.

Segundo o coordenador técnico estadual de Planejamento da Emater/MG, Edson Logato, com o mapeamento haverá menos especulação de preço pelo mercado, fornecendo uma estimativa de safra mais exata. A plataforma é a primeira fase do Observatório da Agricultura, considerando um projeto ainda mais amplo para contemplar as principais cadeias produtivas. 

"Na coleta de informações já foram mapeados, por imagem de satélite, o Sul, a região do Cerrado e o Norte de Minas Gerais. Atualmente estão sendo mapeadas as demais regiões produtoras de café", disse. 

O mapeamento do parque cafeeiro de Minas Gerais trará, com exatidão, o que o estado tem de café irrigado. Hoje, o número estimado está em 10% da área plantada, que ultrapassou 1,2 milhão de hectares em 2016.

A criação da plataforma tem a participação da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater/MG), Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) e Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), com parceria da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) e da Fundação João Pinheiro (FJP).

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.