carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Notícias > Produção

Com 683 amostras, 27° Prêmio Ernesto Illy bate recorde de inscrições

postado em 29/09/2017

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Da redação

O 27° Prêmio Ernesto Illy de Qualidade Sustentável do Café para Espresso bateu recorde de inscrições: 683 cafeicultores enviaram amostras de grãos da safra 2017/2018, com a expectativa de obter reconhecimento nacional e internacional, além de premiações em dinheiro. O número é 10% superior ao de inscritos na edição anterior e o maior dos últimos 10 anos de concurso.

Foto: Roberto Seba/Café Editora
                                         Foto: Roberto Seba/Café Editora

O Estado de Minas Gerais foi o que mandou a maior parte das amostras enviadas, sendo o Sul de Minas a região com maior número de participantes. Além do maior produtor nacional de café, o estado de São Paulo também teve um número expressivo de inscrições, ficando em segundo lugar. Produtores das regiões Centro-Oeste, Sul, e dos estados do Espírito Santo e Rio de Janeiro também contribuíram enviando amostras.
De acordo com o diretor geral da Experimental Agrícola do Brasil, Dr. Aldir Teixeira, responsável pelo recebimento e análise dos grãos, os cafés chamaram a atenção pela qualidade e, escolher apenas 40 amostras finalistas, será uma tarefa difícil. Para ele, a pouca chuva no período de colheita favoreceu a fase de preparo e a qualidade final da bebida.

"A bienalidade negativa não interferiu no número de amostras recebidas este ano, pelo contrário, tivemos um incremento. É possível que, com uma safra menor, tenha havido um cuidado maior com a qualidade por parte do produtor”, disse Teixeira. 

A seleção dos melhores cafés será feita por uma Comissão Julgadora composta por especialistas nacionais e internacionais. Para o Prêmio Ernesto Illy - Nacional serão escolhidos 40 produtores finalistas antes da cerimônia de premiação, na qual serão revelados os seis melhores cafés do país. Os três primeiros ganharão viagem ao exterior para participar do 3º Prêmio Ernesto Illy Internacional.

O Prêmio Ernesto Illy - Regional terá até dois cafeicultores premiados em cada um dos 9 Estados ou regiões inscritos. Todos os vencedores e finalistas receberão prêmios em dinheiro e diplomas.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade