ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Chuvas ficam abaixo da média em municípios do Cerrado Mineiro

POR EQUIPE CAFÉPOINT

PRODUÇÃO

EM 20/01/2017

0
0
Da redação

O município de Araguari, no Cerrado Mineiro, registrou déficit hídrico no último mês, na análise dos engenheiros agrônomos da Fundação Procafé. No Boletim de Avisos Fitossanitários Alto Paranaíba / Triângulo Mineiro relativo a dezembro de 2016, a Fundação apontou que “as chuvas ficaram abaixo da média para Patrocínio e Araguari, de forma mais pronunciada para Araguari, onde houve somatório de precipitação para dezembro com 157 mm abaixo da média normal”.

A ocorrência, atípica para Araguari segundo a Procafé, ocasionou déficit hídrico de 5 mm na região. Para os cafeicultores irrigantes, que são a grande maioria em Araguari, a equipe orienta que se deve proceder às irrigações até meados de janeiro, se as chuvas não normalizarem.

Já nos municípios de Araxá e Patrocínio não se configurou déficit hídrico, inclusive havendo excedente em Araxá, devido às chuvas ficarem acima da média normal. As temperaturas médias continuam acima da média para Araxá (1ºC) e Patrocínio (0,7 ºC) e abaixo da média histórica para Araguari (0,1ºC).

Irrigação
O crescimento vegetativo é intenso nesta fase fenológica do cafeeiro, desde que exista disponibilidade de água no solo. Por isso, a Procafé indica que a irrigação deve continuar plena em Araguari, para suprir o déficit hídrico, evitando problemas para a produtividade na próxima safra. Por outro lado, em Patrocínio e Araxá não há necessidade de irrigação no início até meados de janeiro, devendo-se acompanhar as chuvas neste período.

Doenças e pragas
Com relação às doenças e pragas, a presença de folhas infectadas com ferrugem em algumas regiões demonstra o início de ciclo evolutivo da doença. Considerando as condições favoráveis para a evolução da ferrugem e o mecanismo de ação dos fungicidas, os agrônomos explicam que é recomendável o monitoramento e se necessário a pulverização com fungicida sistêmico protetivo/curativo específico para esta doença.

Nas avaliações de bicho-mineiro e phoma foram detectados índices de infestação e infecção nos talhões de Patrocínio e Araguari. Também em Araguari os índices de ácaro vermelho estão em 4,0%. Veja os detalhes no quadro produzido pela Fundação Procafé, abaixo:
 
Quadro: Fundação Procafé

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.