FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Mercados têm ordens de recompras na maioria dos ativos

ANÁLISES

EM 19/01/2016

3
0
Da redação

O dia nos mercados globais foi tranquilo e marcado por ordens de recompras na maioria dos ativos negociados, comentou o consultor Marcus Magalhães. “Investidores se baseando em dados divulgados na China resolveram cobrir suas posições vendidas no mercado e, assim, um tom ameno acabou saindo prevalecido nos mercados”, afirmou ele, lembrando que esta segunda-feira (18/1) também foi marcada por feriado nos EUA, o que fez com que os muitos trabalhos fossem adiados para hoje.

Já para o caso específico do café, o especialista da Maros Corretora explica que as bolsas seguem em alta, enquanto negócios no lado interno estão travados. “O setor produtivo continua arredio a conversas mercadológicas e assim, a liquidez envolvida na rotina cafeeira ficou próxima à zero”, comentou Magalhães.

3

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

JOSÉ HESS

CURITIBA - PARANÁ

EM 29/01/2016

Concordo plenamente.
SERGIO CASTEJON

MONTE SANTO DE MINAS - MINAS GERAIS - PRODUÇÃO DE CAFÉ

EM 29/01/2016

Só vendo com a corda no pescoço. Graças a Deus, estou longe desta situação.
JOSÉ HESS

CURITIBA - PARANÁ

EM 21/01/2016

Uma informação importante é que os produtores estão arredios as conversas mercadológicas, e espero que continuem assim segurem ao máximo suas vendas e vendam aos poucos só o necessário.



A CONAB já fez uma propaganda enorme em pleno janeiro que teremos uma grande safra em 2016, acho precipitado e preocupante, pois temos muitas coisas pela frente, como possíveis geadas, secas e chuvas. Então pessoal não acreditem mais nessas informações exageradas, pé no chão. Só assim vamos poder administrar um pouco nossos preços.