ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Terracinho é muito útil em lavouras de café nas montanhas

POR JOSÉ BRAZ MATIELLO

FOLHA PROCAFÉ

EM 15/01/2021

2 MIN DE LEITURA

2
1

A abertura de terracinhos nas entre linhas de cafeeiros, em áreas de terreno com inclinação acentuada, como ocorre na cafeicultura de montanha, é uma prática que facilita os tratos na lavoura, apresentando muitas vantagens.

Os terracinhos aqui considerados são diferenciados em relação aos micro-terraços. Eles são mais estreitos, tendo apenas de 0,6 a 1,0 m de largura, e são construídos para facilitar o trato manual, enquanto que os micro-terraços são usados para viabilizar a mecanização em lavouras de terrenos inclinados. Os terracinhos são abertos manualmente, com enxadão e enxada, com auxílio de pequeno arado de bois ou com micro-tratores tipo Tobatta, enquanto que os micro-terraços são abertos com tratores, de esteira ou de pneu, ou escavadeiras. Clique aqui para conferir modos de fazer micro-terraços em cafezais de montanha.

Os terracinhos são indicados para lavouras adensadas, com 1,8 a 2,5 m de rua. Eles formam caminhos por onde o trabalhador passa a transitar no plano, aumentando o rendimento e a qualidade do seu trabalho, nos diversos tratos culturais e na colheita do café. Além disso, eles servem para barrar as enxurradas, reduzindo a perda de solo e de água do terreno na lavoura, diminuindo a erosão e aumentando a infiltração da água. Também ajudam na retenção de adubos e outros insumos aplicados ao solo, beneficiando o desenvolvimento e a produtividade dos cafeeiros.

A abertura de terracinhos é uma prática apropriada a pequenos agricultores, pois eles próprios podem abri-los sem necessidade de contratação de maquinário. Como já foi dito, se apropriam a plantios adensados ou semi-adensados, onde a abertura dos micro-terraços, mais largos, exigem a passagem de maquinário e, para estes, o mínimo de espaço na rua seria de 3,0 m.

Os terracinhos podem ser abertos antes ou após o plantio do café e mesmo em lavouras em fase mais adiantada de formação. O ideal é abrir os terracinhos pouco tempo depois do plantio do café, pois, assim, fica mais fácil fazer a sua abertura bem no meio das duas linhas paralelas de cafeeiros e, desde o início da lavoura, já pode ir preenchendo suas finalidades.

Finalmente, uma ideia do rendimento na abertura dos terracinhos. Para abertura manual, com enxadão e enxada, são necessários cerca de 20 h.d por há. Com auxilio de pequeno arado de aiveca puxado por boi, duas pessoas trabalhando fazem de 700 a 800 m de terracinhos por dia.


Abrindo terracinhos com junta de bois, antes do plantio do café (esq.), e abertura feita com enxadão e enxada (dir.) - Porciúncula, noroeste do Rio de Janeiro


Terracinho aberto com enxadão/enxada, há 3 anos, em lavoura de 2,5 x 0,5m, e o trabalhador andando nele, no plano, o que facilita o trabalho e ajuda na preservação do solo, da água e dos insumos aplicados – Porciúncula, noroeste do Rio de Janeiro


Micro-terraços normais com largura de 1,60 a 1,80, abertos com trator de esteira pequeno (esq.) e já possibilitando a mecanização com trator cafeeiro, aqui usando uma carpideira (dir.) - Botelhos (MG)

2

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

JOSÉ BRAZ MATIELLO

MACAPA - AMAPÁ - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 19/01/2021

Olha Sergio, sem problemas verificados quanto ao que diz. As pessoas que adotaram os terracinhos viram que a colocação do pano, a sua parte baixa ficando no plano, o café derriçado fica mais bem aparado pelo pano. Quanto às raizes, como o terracinho é feito mais cedo, nas lavouras novas, as raizes formadas pela planta já vão se dirigindo , logicamente, para baixo, onde encontram o solo. Eventuais danos da parte de baixo seriam muito compensadas pela boa condição na parte de cima do declive, vez que ali vão parar a água das chuvas e todos os adubos aplicados. A lavoura sempre melhora depois do terraceamento. Matiello
SERGIO SARETTO

SOBRADINHO - DISTRITO FEDERAL - PRODUÇÃO DE CAPRINOS DE CORTE

EM 19/01/2021

Prof Matiello, muito oportuno o texto, parabens ! Sendo aberto no meio das linhas de plantio, não ficaria um desnivel muito grande para a colheita da linha que fica acima ? E o sistema radicular, seria afetado de alguma forma ? Obrigado.
CaféPoint AgriPoint