ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
FAÇA SEU LOGIN E ACESSE CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Acesso a matérias, novidades por newsletter, interação com as notícias e muito mais.

ENTRAR SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Frutos verdes de café são mais sensíveis ao frio

POR JOSÉ BRAZ MATIELLO

FOLHA PROCAFÉ

EM 31/05/2022

2 MIN DE LEITURA

0
0

As baixas temperaturas que ocorreram recentemente nas regiões cafeeiras do Cerrado, em Minas Gerais, mostraram que os frutos quando ainda verdes se apresentam mais sensíveis aos efeitos do frio. 

As geadas, provocadas por temperaturas baixas no ar, têm causado perdas graves em lavouras de café, acarretando queima dos tecidos das diferentes partes da planta, especialmente na folhagem, podendo, também, atingir os ramos, o tronco e os frutos. 

No período de 17 a 20 de maio de 2022, uma onda de frio precoce atingiu as regiões Sul e Sudeste do Brasil e, nas principais áreas cafeeiras, havia previsão de geadas nos cafezais. Na região do Cerrado Mineiro, as temperaturas mínimas, nas cidades de Patrocínio e Carmo do Paranaíba (MG), se situaram em cerca de 3ºC, verificado nos postos meteorológicos. Na relva, junto ao solo, normalmente as temperaturas se situam cerca de 2 graus a menos. 

As observações feitas em campo, em Patrocínio e Carmo, locais aqui tomados como exemplo, evidenciaram, em algumas lavouras de chapada e em condições de baixada, um aspecto do efeito do frio ainda não relatado. As temperaturas baixas no ar foram capazes de causar queimas em frutos de café que se encontravam no estágio de verdes, mas não foram suficientemente baixas para provocarem danos na folhagem. Os frutos maduros, provavelmente devido à sua maior concentração de açúcares na casca, não foram afetados. Notou-se, no campo, que os frutos mais queimados se situavam na parte baixa das plantas, indicando que ali houve maior deposição do ar frio. 

Os frutos verdes afetados ficaram com a casca de cor chumbo ou castanha escura e, em seguida, devem secar. Com a queima pelo frio, a película prateada que envolve o grão fica escura, dando origem, em sua maioria, a grãos com o defeito conhecido como “preto verde” ou “verde geado”, prejudicando tanto o rendimento como a bebida dos cafés. Os frutos mais queimados já se apresentam murchos. Alguns frutos verdes, pouco atingidos, podem vir a amadurecer. 

Pela possibilidade de queima de frutos ainda verdes pela geada, com prejuízo na própria safra pendente, existe a recomendação para o plantio nas áreas mais sujeitas ao frio, de variedades de maturação dos frutos mais precoce.


Frutos verdes com a casca queimada (escura) por efeito do frio, sem queima das folhas. Detalhe dos frutos verdes queimados e os maduros não queimados - Carmo do Paranaíba (MG), 20/05/22


Grande quantidade de frutos verdes atingidos pelo frio, em Carmo Paranaíba (esq.) e em Patrocínio (dir.). Verifica-se que nem as folhas e nem os frutos maduros foram queimados pelo frio

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

CaféPoint Logo MilkPoint Ventures