ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
FAÇA SEU LOGIN E ACESSE CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Acesso a matérias, novidades por newsletter, interação com as notícias e muito mais.

ENTRAR SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Alta capacidade produtiva da cultivar de cafeeiros arara

POR JOSÉ BRAZ MATIELLO

FOLHA PROCAFÉ

EM 01/06/2022

2 MIN DE LEITURA

1
0

Cafeeiros da cultivar arara tem se mostrado com alta capacidade produtiva, seja nos ensaios, conduzidos nos campos experimentais, seja em lavouras extensivas, ao nível comercial, nas propriedades dos cafeicultores.

Essa cultivar foi desenvolvida e registrada pela Fundação Procafé, tendo origem em uma hibridação natural entre o obatã e o icatu amarelo 2944. A planta original foi identificada por técnico do ex-IBC no Paraná. Ela reúne, portanto, genética de um sarchimor (villa sarchi = caturra da América Central), cruzado com catuaí e mais um cruzamento com um icatu. Com essa base, que alia atributos de produtividade, resistência e vigor, era de se esperar boas características nos cafeeiros da cultivar.

De fato, a cultivar arara vem apresentando qualidades importantes, como: resistência à ferrugem e tolerância a Pseudomonas e Phoma, bom vigor e alta produtividade, com frutos graúdos e de boa bebida. No aspecto de produtividade, a boa genética fornece o potencial às plantas, as quais, com o manejo adequado, vai se expressar em safras altas. Esses bons resultados, depois de comprovados pela pesquisa nas parcelas experimentais, conforme resumo apresentado na tabela 1, vêm se confirmando na prática, nas lavouras dos cafeicultores.

A boa produtividade dos cafeeiros da cultivar arara vem se mantendo ao longo de várias safras, evidenciando o adequado vigor das plantas. Uma demonstração desse vigor e da boa capacidade produtiva dos cafeeiros pode ser observada através de resultados de recuperação e de produtividade no pós-poda de esqueletamento/desponte. Em dois estudos efetuados, em Varginha e em Franca, com esqueletamento sobre plantas aos 13 e 12 anos de idade, resultaram em produtividades de 137 e 148 sacas/ha.

Um exemplo recente, agora em lavoura comercial, de 10 hectares, no município de Franca (SP), mostrou que após à poda de desponte mais um decote, a 2,5 m de altura, foi obtida, na área, a média de 133,1 scs/ha. Esta lavoura tem 12 anos de idade e se encontra no espaçamento de 3,5 x 0,6 m, e é irrigada. A figura 1 mostra o aspecto da vegetação vigorosa e da florada que antecedeu essa alta safra obtida.

Os cafeeiros da cultivar arara possuem condições adequadas ao uso de podas de esqueletamento, no sistema safra zero. A saia das plantas é mais larga e os ramos laterais são mais grossos e vigorosos, o que se reflete numa boa rebrota e, consequentemente, em alta capacidade produtiva das lavouras.

Tabela 1- Comparativo de produtividade em nove ensaios, em cafeeiros da cultivar arara em relação ao padrão catuaí, em diferentes localidades e número de safras


Figura 1- Aspecto vegetativo vigoroso e floração abundante em cafeeiros da cultivar arara, aos 13 anos de idade, após poda de desponte (sistema safra zero). A safra, em seguida, resultou em 133,1 scs/há – Franca (SP)


Boa frutificação, mostrando a capacidade produtiva e alto vigor de cafeeiros em lavoura comercial da cultivar arara – Franca (SP)???????

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

RODRIGO NUNES DE SOUSA

CARATINGA - MINAS GERAIS - PRODUÇÃO DE CAFÉ

EM 14/06/2022

Em área com uma infestação moderada de nematoides e aconselhável implantar essa variedade?
CaféPoint Logo MilkPoint Ventures