FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Expectativa de chuva para gerar aumento dos preços do café

ESPAÇO ABERTO

EM 21/09/2020

3 MIN DE LEITURA

0
0

Por Marcelo Fraga Moreira*

E a tão esperada correção começou! Entre a máxima e a mínima da semana, de 14 a 18 de setembro, o mercado teve uma amplitude de 1.880 pontos. A semana começou com o mercado no dezembro/2020 trabalhando no canal entre o suporte da média móvel dos 14 dias ao redor dos 128 centavos de dólar por libra-peso e a resistência da média móvel dos 50 dias que estava 136,50 centavos de dólar por libra-peso (*aqui tivemos um erro no comentário da semana passada onde falamos que a média móvel dos 14 dias era a média móvel dos 200 dias, sendo que na verdade estava 116,80 centavos de dólar por libra-peso). Assim que o suporte da média móvel dos 14 dias foi rompido o mercado despencou, chegando a cair mais de 1.000 pontos no dia.

Alertamos várias vezes nos últimos artigos que o mercado poderia ter uma correção forte e que poderia buscar os 116/115 centavos de dólar por libra-peso (e foi o que acabou acontecendo com o dezembro/2020 fechando a semana a 113,50 centavos de dólar por libra-peso).

Para nossos leitores que tiveram a disciplina e foram realizando as compras do Put-Spread em escala de alta no setembro/2021, comprando o Put-Spread 125-100, 135-105 centavos de dólar por libra-peso vendendo as Call de 135-150 centavos de dólar por libra-peso. Mantenham a posição nos livros e vamos aguardar mais alguns dias para recomprar as Calls vendidas e aguardar novo momento para revendê-las.

Apenas na segunda-feira (14/09), no primeiro pregão da semana, o mercado já oscilou 1.040 pontos e o pânico voltou ao mercado. Na terça-feira (15/09) tivemos um dos volumes mais altos do ano, com 112.599 lotes negociados, e novamente mercado oscilando mais 800 pontos. Rompeu os suportes das médias móveis dos 50/100 e 200 dias. Conforme informação dos nossos parceiros, eram fundos comprando e vendendo dos 2 lados e mais uma vez muitos produtores assustados pois “perderam a chance” de fixar preços acima dos 700 R$/saca a posição para 2021/2022. Essa oportunidade passou “selada no cavalo branco por dias” e infelizmente nem todos aproveitaram.

A última posição dos fundos publicada na sexta-feira (18/09) indicava que os fundos terminaram comprados em + 40.136 lotes. Já nas sessões seguintes, entre quarta-feira e sexta-feira o mercado caiu mais 855 pontos, então provavelmente alguns fundos acionaram os stops. Tecnicamente o estrago já estava feito com o mercado tentando se recuperar na quarta-feira (negociando entre 124,15 e 118,70 centavos de dólar por libra-peso), e terminando nas mínimas da semana e abaixo das principais médias móveis de 113,50 centavos de dólar por libra-peso. Nessa semana deveremos ver novas baixas.

A seca vem afetando as regiões do Centro-Oeste, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, com queimadas generalizadas e fora do controle. Para os próximos dias a previsão de chuvas voltou, e caso se confirme poderemos ver os fundos liquidando novamente.

Se as chuvas ocorrerem e o temor momentâneo da seca dissipar acreditamos que dezembro/2020 poderá voltar a negociar abaixo dos 110 centavos de dólar por libra-peso. E o mercado doméstico voltando a normalidade com produtores já vendendo café entre 450-550 R$/saca.

Para safra 2021/2022, no setembro/2021, vamos seguir monitorando a correção do mercado e deixar as compras do Put-Spread nos livros. Se o mercado corrigir mais 1.000-1500 pontos recomprar as Calls que foram vendidas para financiar a compra dos Put-Spreads acima aguardando novo momento para revendê-las.

Como sempre, atenção com as operações alavancadas, com os acumuladores, com as estruturas que “aparecem/desaparecem/dobram” tanto para produto quanto para câmbio, pois nessas horas costumam surgir as “operações com probabilidades mínimas de acontecer”.

Uma excelente semana a todos!

*Marcelo Fraga Moreira atua há mais de 30 anos no mercado de commodities agrícolas e escreve este relatório sobre café semanalmente como colaborador da Archer Consulting.

** “Put-Spread” = compra e venda simultânea da opção de Venda com preço de exercício mais alto vendendo a opção com preço de exercício mais baixo);

*** “Call” = opção de Compra

As informações são da Archer Consulting – Assessoria em Mercados de Futuros, Opções e Derivativos Ltda.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

CaféPoint AgriPoint