ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Chuva impactou pouco os preços

ESPAÇO ABERTO

EM 11/02/2019

0
0

Por Rodrigo Costa

A Comissão Europeia revisou a estimativa de crescimento da zona do Euro em 2019 de 1.9% para 1.3%, ajustando para baixo ainda mais severamente do que o FMI o aumento do PIB dos três principais países da região, a Alemanha, a França e a Itália.

Citando incertezas no desfecho do Brexit e também da guerra-comercial entre os Estados Unidos e a China, a entidade alerta para o risco de uma deterioração aguda da atividade econômica da Comunidade Europeia e mundial.

As bolsas de ações sentiram o baque e responderam com uma queda acentuada na quinta-feira, suspendendo, ao menos temporariamente, a recuperação impressionante do ano.

Com os Estados Unidos tendo um prognóstico mais promissor comparando com os demais mercados, o índice do dólar teve uma apreciação de 1.3% nos últimos cinco dias, pressionando as commodities.

O café em Nova Iorque também escorregou, bastante correlacionado com o Real voltando a R$ 3.73. Os agentes têm focado em rolar suas posições antes do começo do período de entrega do contrato de março – causando um ajuste entre o segundo e o primeiro mês de vencimento.

As chuvas voltaram ao sudeste brasileiro atingindo a maior parte do cinturão de café em volumes significativos, precisando agora ser constantes e ter mais abrangência no Espírito Santo e na Bahia.

O terminal não estava dando tanta atenção para as precipitações como pudemos notar no suporte encontrado pelo arábica da ICE, que só veio perder força frente a uma liquidação maior em commodities como um todo.

Este sinal é importante para imaginarmos que as cotações possam se manter acima de US$ 100.00 centavos por libra, ou respeitar as mínimas – salvo uma desvalorização maior do Real.

Os preços pagos aos produtores de cafés naturais e suaves nos atuais patamares desmotivam o trato-pleno, ao menos esta percepção tem sido transpirada pelas agências de notícias, que também mencionam um custo de produção menor apenas para o Brasil.

Isto não significa que o montante recebido nas fazendas esteja em níveis satisfatórios, longe disto, e, portanto, quanto mais tempo o contrato “C” se manter próximo de US$ 1, mais vai forçando uma diminuição de supostos superávits futuros.

A ABIC revisou sua metodologia de cálculo do consumo doméstico brasileiro, ajustando para 21 milhões de sacas o total utilizado internamente. A entidade apontou um crescimento de 4.8% no consumo entre novembro de 2017 e outubro de 2018 – saudável para o mercado, ainda que o número não seja consensual.

Novos “rallies’ da safra tem acontecido para acompanhar o quadro do cafezal e o impacto negativo sofrido com as temperaturas elevadas em janeiro. A princípio não se espera um grande ajuste, mas de pouco em pouco o déficit corrente pode ficar ligeiramente maior.

O tom do comentário não deve ser lido como altista, mas sim cauteloso para aqueles que continuam muito baixistas. Os pontos mencionados demonstram o quadro delicado para o longo-prazo, mas no curto-prazo é necessário enxugar a disponibilidade corrente – mesmo que à diferenciais de torcer o nariz dos compradores.

Os fundos nos últimos COTs divulgados estavam no dia 8 de janeiro com 62,435 lotes vendidos, tendo NY fechado a 105.05 naquele dia. Considerando os movimentos desde então assim como o comportamento do mercado, eu estimo que suas posições estejam ao redor de 67 mil lotes vendidos – não muito diferente.

Tecnicamente nada atrai apostas grandes enquanto março ficar entre US$ 100.70 e US$ 106.90 centavos por libra – base março.

Uma ótima semana e bons negócios a todos.

*Rodrigo Corrêa da Costa escreve este relatório sobre café semanalmente como colaborador da Archer Consulting

As informações são da Archer Consulting – Assessoria em Mercados de Futuros, Opções e Derivativos Ltda

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.