Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Cadeia do Café > Entrevistas

José Agusto Rizental fala sobre Associação Brasileira das Origens de Café

postado em 21/06/2011

3 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

José Augusto Rizental é superintendente da Federação dos Cafeicultores do Cerrado e presidente da Associação Brasileira das OrigensProdutoras de Café. A Associação foi criada há pouco tempo com intenção de destacar as características das regiões produtoras de café e seus produtores, levando ao mundo essa diversidade e seus diferenciais.




"A região do Cerrado vem participando de feiras internacionais há alguns anos e percebemos que faltava alguma coisa para o Cerrado. Vimos que as outras regiões junto com o Cerrado poderiam chegar muito mais fácil onde queremos chegar."

"Criamos um entidade ja com 8 regiões produtoras de café."

"A entidade não sobrepõe o trabalho de outra entidade. Nossa proposta não está focada no produto café, mas sim nas regiões produtoras e nos produtores de café."

"A entidade tem apoio do Mapa, Apex e Sebrae."

"Não queremos ser um país de várias entidades. Queremos mostrar para o mundo que temos várias origens de café e por trás dessas origens temos vários produtores."

"Vamos iniciar um planejamento estratágico ou estratégia de branding. Para isso teremos apoio do Sebrae."

"Isso não é uma coisa do Cerrado e sim de todas as regiões. Estamos fazendo algo que já tinha que existir há muitos anos."

"Hoje fazemos marketing, mas ele não tem o reflexo como poderia ter. Isso porque a base não está preparada; falta muita coisa."

"Será que não é a hora de começar uma nova forma de o Brasil trabalhar a cafeicultura?"

"O grande desafio da nova entidade é trazer coisas novas, mostrar para o mundo com ações, com atitude."

"A exportação e importação vão agregar valor ao café do Brasil se o consumidor demandar o cafá do Brasil. Esse trabalho de mostrar para o consumidor que temos várias origens é nosso trabalho, não da exportação.

"O que falta é a produção se juntar e fazer um trabalho organizado."

"O produtor tem que acreditar, se associar, fortalecer a sua origem."

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

Artur Queiroz de Sousa

Cambuquira - Minas Gerais - Produtor de Café
postado em 21/06/2011

Parabéns José Augusto, esse é o caminho que temos a trilhar. Sei que falta muita coisa, contudo, já estamos muito a quem de onde deveríamos estar. A pouco foi criado também a Região da Mantiqueira, e sei que está para sair mais duas ou três regiões. Vamos nos juntar, e fortalecer, a fim de fazer um bom Plano de Marketing. Não da para contar com CNC, que nos faz crer estar mais preocupado com outras coisas.

José Antonio Padial Posso

Monte Carmelo - Minas Gerais - Produção de café
postado em 23/06/2011

Com todo esse entusiasmo, acredito mesmo no êxito da empreitada.
O José Augusto já deixou sua marca de muito trabalho e sucesso (e continua) na Federação dos Cafeicultores do Cerrado, inclusive recentemente no lançamento da estratégia da nova marca do café do cerrado.
É preciso dar o apoio necessário para que esse belo trabalho tenha continuidade. Toda a cadeia só tem a ganhar.
Abraços.  

DRA.Marisa Helena Oliveira Sousa Contreras

Bebedouro - São Paulo - Consultoria/extensão
postado em 27/06/2011

Parabéns José Augusto. Vocês do Cerrado são um exemplo para tyodos nós Cafeicultores. Sabem escrever a cada tempo um novo Capitulo na Ceficultura Brasileira.Queremos nos Juntar a vocês ¨Juntos somos muito Melhores¨. A Associação Brasileira das Origens nos trará um novo cenário, onde estaremos medindo o impacto positivo que o Café traz na vida das pessoas. Não existem produtos sem pessoas.
Conte conosco e com nosso apoio.
Abraços
Marisa Helena oliveira Sousa Contreras
Presidente da ASCAFEA
17 9143 3648
www.ascafea.com.br

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário

Copyright © 2000 - 2014 AgriPoint Consultoria Ltda. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade