FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Recepa mecanizada em cafeeiros adensados

POR JOSÉ BRAZ MATIELLO

TÉCNICAS DE PRODUÇÃO

EM 26/10/2016

3
0
Por José Braz Matiello - engenheiro agrônomo da Fundação Procafé


A recepa é um tipo de poda em cafeeiros que só deve ser usado em último caso, quando não existir outra alternativa, pois promove perda de produtividade na lavoura, já que as plantas podadas demoram a recuperar sua copa.

Nos cafezais no sistema adensado é comum, de tempos em tempos, visando a reabertura da lavoura e recomposição da ramagem produtiva dos cafeeiros fechados, efetuar a recepa. No entanto, ocorrem dificuldades na execução da operação dessa poda, de forma mecanizada, através do uso de recepadeira tratorizada, devido ao fechamento da lavoura e pelo pequeno espaço nas ruas do cafezal. Também fica difícil manejar os resíduos da poda.

Na presente nota técnica apresenta-se uma nova maneira para facilitar o corte mecanizado na recepa das plantas adensadas, bem como o manejo dos resíduos cortados. Para demonstrar como se pode mecanizar, ao máximo, a recepa nas condições de cafezais adensados toma-se o exemplo de uma lavoura no espaçamento de 1,8 x 0,5 m, fechada e necessitando da poda.

O procedimento a utilizar consiste em:
1º - Iniciar cortando, com motosserra, uma a cada duas linhas de cafeeiros, com corte o mais baixo possível, a cerca de 15 cm do solo.

2º - Sobre essa linha entra o trator, a cavaleiro, com roçadeira ou trincha, operando com o implemento mais alto do chão, para triturar as plantas cortadas, sem prejudicar os pequenos tocos de cafeeiros.

3º - Com a abertura da área passa-se, agora, o trator normal com a recepadeira mecanizada para recepar a linha vizinha, que tinha ficado sem cortar.

4º - No final, passa-se, com trator estreito, uma trincha ou roçadeira, para finalizar a trituração dos galhos.

Como no cafezal adensado, a recepa ocorre em ciclos mais curtos. Os troncos são normalmente finos, o que ocorre, ainda, pelo próprio adensamento. Assim, o trabalho com roçadeira ou trincha fica bom, deixando o terreno livre, sem necessidade de retirada de material lenhoso. Isso é vantajoso, pois economiza mão de obra e ao mesmo tempo deixa os resíduos na área, como adubo.


Foto: Procafé
Pode-se ver uma linha de cafeeiros recepados e com plantas trituradas, no caso com roçadeira operando mais alta do chão. Estão assinalados os troncos cortados baixos. As linhas laterais ainda estão sem cortar.


Foto: Procafé
Detalhe do tronco cortado baixo, a cerca de 15 cm do solo e resíduos rebaixados por passagem de roçadeira.


Foto: Procafé
Operação do trator, com recepadeira, para recepa das linhas de cafeeiros restantes

3

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MARIO FONSECA

PRODUÇÃO DE CAFÉ

EM 01/11/2016

Boa tarde Flavio,  espero que vcs esteje bem, toda ajuda e sempre bem vinda! muito obrigado pela ajuda. Mario Fonseca_ Luanda_ Angola
FLAVIO EMILIANO

MINAS GERAIS - PRODUÇÃO DE CAFÉ

EM 31/10/2016

Boa NOite, Mario. Tudo bem.

           Lendo sua duvida, envio algumas fontes de dados a respeito,

    Www.ceplac.gov.br


    Www.ceplac.gov.br/radar/cafe


    Www.portalagropecuario.com.br/agricultura/cafeicultura/cafe-conilon-plantar-adubar-manejar-colher




        Espero que possa te ajudar.

    Flavio Emiliano

      Brasil-minas gerais- patrocinio

           
MARIO FONSECA

PRODUÇÃO DE CAFÉ

EM 31/10/2016

Sou um agricultor em Angola, devido o pouco rendimento que temos, quero começar o plantio de café, alguém pode me ajudar com sementes e técnicas e formação para o café "robusta"? pode enviar informações para mfonseca.agrovm@gmaiil.com, obrigado