carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Notícias > Produção

Conheça os 24 vencedores no Concurso Estadual de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais

Por Equipe CaféPoint (CaféPoint)
postado em 03/01/2017

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Da redação

A 13ª edição do Concurso Estadual de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais premiou, dia 19 de dezembro, os 24 melhores das principais regiões produtoras do Estado, em evento realizado na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.

Foto: Divulgação

Foram selecionados os três melhores cafés nas categorias Café Natural e Café Cereja Descascado, Despolpado ou Desmucilado, levando em conta cada uma das quatro regiões produtoras: Sul de Minas, Chapadas de Minas, Cerrado Mineiro e Matas de Minas. Essa edição recebeu volume recorde de inscrições, cerca de 1.853 amostras, o que representou um crescimento de 42,5% frente a edição anterior.
O Grupo Montesanto Tavares, apoiador e patrocinador dessa edição do concurso, se comprometeu em comprar os lotes campeões das categorias Natural e Cereja descascado ou desmucilado por um preço especial de USD 800,00 a saca de 60 kg, sendo que cada lote tem 10 sacas. “Além desse preço de compra acima do praticado pelo mercado, o que já é um grande negócio para o produtor, os cafés especiais deles serão vendidos no exterior e essa é uma oportunidade única”, comemora Rogério Schiavo, CEO da Atlantica Coffee, uma das trades do Grupo Montesanto Tavares.

Foto: Divulgação

O Grupo também vai comprar os cafés dos finalistas do concurso com notas de 84 pontos e acima, de acordo com as normas da Associação Americana de Cafés Especiais (SCAA) e que tiverem o padrão de qualidade exigido pela Atlantica Coffee, caso seja de interesse do produtor proprietário do lote. “O Brasil já não é mais conhecido apenas como o maior produtor mundial de café, mas também como origem de altíssima qualidade, fato constatado por depoimentos de profissionais Qgrades de renome internacional, pelos relevantes prêmios que têm sido pagos aos nossos cafés especiais e a crescente demanda. Esse é um caminho sem volta, pois essa demanda cresce a pedido do consumidor e não há maneira mais sólida de se estabelecer um novo produto ou padrão de consumo”, afirma Rogério.

Foto: Divulgação

Além disso, os três primeiros colocados de cada uma das regiões cafeeiras receberão uma premiação em dinheiro. Ao todo, serão R$ 36 mil, distribuídos entre os três melhores posicionados de cada região. Os quatro produtores, um de cada região, que obtiveram a maior pontuação, independente da categoria, serão agraciados pela Atlantica Coffee, com uma viagem para visitas a campo a um tradicional país da América Central, produtor de cafés especiais, com todas as despesas pagas. Os 24 grandes vencedores do concurso receberam ainda um troféu feito com mogno africano, proveniente das florestas plantadas pelo Grupo.

Sobre o concurso
O Concurso é dividido em duas categorias:
1 - Café Natural, que trata do grão recém-colhido que, após passar por um processo de lavagem, é levado para secar;
2 - Café Cereja Descascado, Despolpado ou Desmucilado, que são lavados e há uma separação dos frutos verdes e secos dos frutos maduros. Depois, eles passam por um descascador para só depois seguir para secagem.

A seleção dos finalistas foi feita por especialistas de empresas públicas e privadas com base em análises físicas e sensoriais. As provas foram realizadas no Centro de Excelência do Café, em Machado, no Sul de Minas Gerais. Neste ano, a novidade no critério de avaliação foi a inclusão da avaliação socioambiental na etapa final das análises.


Lista de premiados

Categoria: Natural
Primeiro Lugar
1. Região Chapada de Minas (município José Gonçalves de Minas) - Claudio Fujio Nakamura;
2. Região Matas de Minas (município Manhuaçu) - Celso Antônio de Oliveira;
3. Região Sul de Minas (município Divisa Nova) - Dimas Figueiredo Lopes.
4. Região Cerrado Mineiro (município Presidente Olegário) - André Souza Lima Campos;

Segundo Lugar
1. Região Cerrado Mineiro (município Patrocínio) - Flávio Ruiz Pequini;
2. Região Chapada de Minas (município Capelinha) - Arlindo Domingues de Oliveira;
3. Região Matas de Minas (município Alto Caparaó) - Rafael Lopes Louzada;
4. Região Sul de Minas (município Andradas) - Fábio Roberto Menegon.

Terceiro Lugar
1. Região Cerrado Mineiro (município Varjão de Minas) - Empresa Agrícola Santa Rita Ltda, representada pela diretora agrícola, Mariana Brayn Caetano;
2. Região Chapada de Minas (município José Gonçalves de Minas) - Gilson Pereira da Silva;
3. Região Matas de Minas (município Alto Caparaó) - Sebastião Luiz Robadel;
4. Região Sul de Minas (município São Sebastião do Paraíso) - Antônio Adolfo de Souza.

Categoria: Cereja Descascado

Primeiro Lugar
1. Cerrado Mineiro (município Patos de Minas) - Wagner Crivelenti Ferrero;
2. Região Chapada de Minas (município Minas Novas) - CBI Agropecuária Ltda, representada pelo diretor Tancredo Pisa Simonini Spadas;
3. Região Sul de Minas (município Santo Antônio do Amparo) - Henrique Dias Cambraia;
4. Região Matas de Minas (município Lajinha) - Aarão Ferreira.

Segundo Lugar
1. Região Cerrado Mineiro (município Patos de Minas) - Versi Crivelenti Ferrero;
2. Região Chapada de Minas (município Angelândia) - Primavera Agronegócios Ltda, representada pelo Gerente-Geral Ronaldo Morais Pena Filho;
3. Região Matas de Minas (município Manhuaçu) - José Rocha;
4. Região Sul de Minas (município Campestre) - Hélio José Lopes Júnior.

Terceiro Lugar
1. Região Cerrado Mineiro (município Serra do Salitre) - Luiz Alberto Rossi;
2. Região Chapada de Minas (município Diamantina) - Dailton Antonio Ribeiro;
3. Região Matas de Minas (município Alto Jequtibá) - Ari de Oliveira Filho;
4. Região Sul de Minas (município São Pedro da União) - João Onofre da Silva.

Foto: Divulgação

Saiba mais sobre o autor desse conteúdo

Equipe CaféPoint    São Paulo - São Paulo

Mídia especializada/imprensa

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade