carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Notícias > Mercado

Café brasileiro: Alemanha comprou 13% a menos de janeiro a junho de 2017

postado em 11/08/2017

1 comentário
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Da redação

A Alemanha, segundo maior importador de café brasileiro, comprou 13% a menos do produto no primeiro semestre de 2017 (2,9 milhões de sacas), em relação ao mesmo período do ano passo (3,3 milhões de sacas), de acordo com informações do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé).

Foto: Gui Gomes/ Café Editora
                                  Foto: Gui Gomes/ Café Editora

O maior comprador de café brasileiro é os Estados Unidos. De janeiro  a junho de 2017, houve uma redução das exportações do produto em 3%, de  3,4 milhões de sacas de 60 kg para 3,3 milhões de sacas. No total, para todos os países, a embarcação de café do país caiu 8% no período. 
Segundo o Cecafé, a queda ocorreu por conta do "estoque reduzido da safra", que enfraqueceu a oferta. No entanto, a associação estima uma melhora na comercialização em setembro, quando a colheita deve ser maior. 

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

audina onohara

OUTRA - OUTRO - Estudante
postado em 12/08/2017

É hora de plantar mesmo. Estou pesquisando, fui criada de baixo dos pés de café e amo cafezal!

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade