FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Temer transfere Agricultura Familiar, Desenvolvimento Agrário e Incra para Casa Civil

POR EQUIPE CAFÉPOINT

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 01/06/2016

0
0
Por Thais Fernandes

Após a extinção do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) pelo presidente interino da República, Michel Temer (PMDB), as questões relacionadas à pasta foram assumidas pela chamada Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário. Em primeiro momento, a Secretaria foi subordinada ao Ministério do Desenvolvimento Social – que ficou sendo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário.

Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil
Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

Nesta segunda-feira (30/5), contudo, o presidente em exercício assinou o Decreto No 8.780, no qual transfere a Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário para a Casa Civil da Presidência da República. Na transferência também consta o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, Incra.

Confira o texto da medida publicada no DOU:





 
Um dia após a mudança, nesta terça-feira (31/5), o presidente interino Michel Temer (PMDB) exonerou os antigos ocupantes dos cargos e nomeou novos presidentes para o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, Incra, e para a Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário.

A partir de agora, José Ricardo Ramos Roseno assume o cargo de Secretário Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário da Casa Civil da Presidência da República. Já no Incra, a presidência ficará com Leonardo Góes Silva. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira.

De acordo com informações da Agência Brasil, o partido Solidariedade já planejava ter indicados assumindo o comando de uma nova Secretaria de Desenvolvimento Agrário e do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). A informação é do dia 12 de maio e reporta afirmação do deputado Paulinho da Força (SD-SP).


José Ricardo Ramos Roseno - Secretaria Especial de Agricultura Familiar
Nomeado para assumir a Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário, José Ricardo Ramos Roseno é engenheiro agrônomo graduado pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Possui pós-graduação pela Fundação Getúlio Vargas e se formou no Curso de Gerenciamento Integrado de Recursos Hídricos do Instituto das Águas da Unesco.

Desde 1983, Roseno atua no setor de assistência técnica e extensão Rural. Em 1995, ele ingressou na Emater-MG, tendo atuado como dirigente de unidade básica, no município de Rio Preto, Zona da Mata mineira. Ele atuou também como gerente das regionais da Emater-MG em São Francisco e Januária, Norte de Minas. Entre 2000 e 2007, desenvolveu trabalhos voltados para a preservação ambiental. Nesse período, assumiu os cargos de gerente do Programa estadual VerdeMinas e coordenador da Emater-MG no Programa de Revitalização do Rio São Francisco.

Em 2007, José Ricardo Roseno se tornou diretor Técnico da Emater-MG. De 2011 a 2012, ele trabalhou como gerente do Projeto Adequação Socioeconômica e Ambiental das Propriedades Rurais do Governo do Estado de Minas Gerais.

Em fevereiro de 2013, José Ricardo Ramos Roseno assumiu a presidência da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerais (Emater-MG). O mandato a frente da Emater é realizado através de nomeação do governador de Minas Gerais, e o de Roseno se estendeu até 12 de março de 2015.

Leonardo Góes Silva - Incra
O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, Incra, é uma autarquia federal cuja missão prioritária é executar a reforma agrária e realizar o ordenamento fundiário nacional.

De acordo com o Incra, o novo presidente do Instituto Leonardo Góes Silva é engenheiro agrônomo, natural de Salvador (BA), graduado em Engenharia Agronômica e mestre em Ciências Agrárias pela Universidade Federal da Bahia. Foi coordenador de projetos especiais da Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia, entre abril de 2001 a abril de 2006.

Servidor concursado do Incra, Leonardo Silva ingressou na autarquia em abril de 2006 na carreira de Perito Federal Agrário. Exerceu a função de assistente técnico da Divisão de Obtenção de Terras e Implantação de Projetos de Assentamento da Superintendência Regional do Instituto em Sergipe, entre abril de 2006 a abril de 2008, assumindo em seguida a chefia da referida divisão, até maio de 2012. Foi nomeado superintendente regional do Incra em Sergipe, exercendo a função entre maio de 2012 a maio de 2015.

Em Brasília, ocupou os cargos de presidente substituto do Incra, entre março de 2015 a janeiro de 2016, e de Diretor de Programas, no período de maio de 2015 até a presente data.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.