ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Produtores registram chuva de granizo em Minas Gerais e São Paulo

POR EQUIPE CAFÉPOINT

GIRO METEOROLÓGICO

EM 04/10/2016

0
0
Da redação

A semana se iniciou com problemas para cafeicultores de Minas Gerais e São Paulo. Produtores de municípios como Campestre (MG) e Caconde (SP) registraram a chuva de granizo que atingiu o campo nesta segunda-feira (3/10).

De acordo com a Climatempo, o sistema que provocou o granizo consiste na umidade, que está muito alta sobre toda a região central do Brasil. Há previsão para pancadas de chuva sobre grande parte de Rondônia, Minas Gerais e São Paulo, entre outros estados.

Foto: Fernando Barbosa
Município de Campestre (MG) no registro enviado pelo produtor Fernando Barbosa

No último dia 25 de setembro, produtores de Boa Esperança (MG) já haviam registrado as perdas após o fenômeno ter ocorrido em suas lavouras. Relembre aqui e veja fotos enviadas ao CaféPoint.

Os produtores se movimentam trocando informações nas redes sociais, como Facebook e Whatsapp. O produtor Fernando Barbosa, diretor-presidente da Associação dos Municípios da Microrregião da Baixa Mogiana (Amog) informa que as imagens vêm de municípios como São Sebastião da Grama, São Pedro da União, Muzambinho, Patrapolis, além de São Bartolomeu, distrito de Cabo Verde.

“Em Pratápolis (MG) na rodovia MG-344, segundo moradores, a rodovia corta a zona rural de Pratápolis que ficou coberta com uma camada de granizo. Já em outras cidades do Estado de São Paulo como São José do Rio Pardo, Vargem Grande do Sul (SP) Divinolândia e Caconde, a tempestade além de ter provocados danos nas lavouras também destelhou casas. A cidade de Vargem Grande do Sul que ficou sem energia elétrica, também sem comunicação via telefone e internet”, pontuou.


Possibilidade de novas ocorrências
Em alguns locais a chuva de ontem (3), foi tão forte que as perdas podem ultrapassar os 80%, segundo relato de produtores. De acordo com o agrometeorologista Marco Antonio Santos, não dá para descartar a possibilidade de novas ocorrências de granizo ao longo desta terça-feira (4/10) e quarta-feira (5/10).

Nos próximos dias, a tendência é de chuva em toda a faixa central do Brasil. Vale lembrar, que a chuva ao longo da semana não será sinônimo da regularização do regime de chuvas. Segundo os modelos de previsão a partir do próximo final de semana as chuvas voltam a ficar irregulares em toda faixa central e norte do País, avisa o agrometeorologista. A tendência é que somente na semana que vem é que as chuvas ficarão mais concentradas sobre a metade sul do Brasil.

Já na região que inclui a Bahia, o avanço de áreas de instabilidade provocam pancadas de chuva localizadas que poderão ser registradas ao longo da semana. Mas, a chuva não é sinônimo da regularização do regime de precipitações. Novos períodos de estiagem poderão ser observados nos próximos 20 dias na região, alerta Santos, enfatiza a Climatempo.
 

0

COMENTÁRIOS SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Seu comentário será exibido, assim que aprovado, para todos os usuários que acessarem este material.

Seu comentário não será publicado e apenas os moderadores do portal poderão visualizá-lo.

Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.