carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Notícias > Internacional

Produtores de café da África apoiam esforços colombianos nos preços

postado em 16/03/2016

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Representantes de organizações de produtores de café da África reuniram-se com o diretor executivo da Federação de Cafeicultores da Colômbia (FNC), Roberto Vélez, para discutir mecanismos que buscam aumentar a rentabilidade na cadeia de café e proteger a sustentabilidade da indústria. A reunião ocorreu na 116a Sessão do Conselho Internacional de Café em Addis Ababa, Etiópia.

Vélez reuniu-se com Fred Kawuma, da Organização Inter-Africana de Café, Henry Ngabirano, da Autoridade de Café de Uganda, Samuel Kamau, da Associação de Cafés Finos Africanos (AFCA), Ishak K. Lukenge da AFCA de Uganda, Abdullah Bagersh da AFCA da Etiópia e Jean Mutabazi, da Arfic Burundi. As organizações africanas expressaram seu apoio à tentativa de Vélez de iniciar um diálogo global entre todos os membros da cadeia de café visando encontrar formas de aumentar e estabilizar a receita dos cafeicultores.

“Para garantir a rentabilidade e a sustentabilidade da indústria, precisa haver uma ação coletiva e um diálogo aberto entre todos os membros da cadeia de café – do menor produtor ao maior intermediário ou torrefador. Isso permitirá que as futuras gerações continuem apreciando café de alta qualidade”.

Vélez também reuniu-se com o ministro brasileiro das Relações Exteriores, Mauro Vieira. Logo depois, eles anunciaram que o CEO da FNC viajará ao Brasil para se reunir com representantes do governo, organizações de produtores e líderes da indústria em um esforço para discutir os atuais desafios enfrentados pelos cafeicultores e potenciais meios para revolvê-los.

No começo dessa semana, durante a 4a Conferência Mundial de Café, Vélez defendeu o estabelecimento de um diálogo global entre produtores e a indústria visando encontrar mecanismos que melhorem e estabilizem os preços do café.

As informações são do http://gcrmag.com / Tradução por Juliana Santin 

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe CaféPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2016 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade